Dória repassa 6.5 milhões para Agendas LGBTs, confira

0
499

A prefeitura de João Dória (PSDB) em seus primeiros seis meses de gestão, já repassou 6.5 milhões de Reais para políticas ligadas as Agendas LGBTs em São Paulo.

A Secretaria de Direitos Humanos e Cidadania foi a responsável pela maior parte da distribuição dos recursos, para quatro organizações, são elas: duas associações, a primeira Rede Cidadã Multicultural e segunda Dynamite, para o Instituto Omindaré e para a empresa São Paulo Turismo S/A.

O repasse destinado a empresa São Paulo Turismo S/A se refere a “Contratação de serviços de planejamento, produção, execução e fiscalização dos eventos relacionados à XXI Parada do Orgulho LGBT, como fornecimento de infraestrutura constituída por equipamentos e produtos, pessoal técnico e operacional, e eventual locação de áreas e contratação artística, para realização dos eventos: Show da XXI Parada do Orgulho LGBT de São Paulo 2017 e Show de Encerramento da XXI Parada do Orgulho LGBT de São Paulo 2017, dispensa a licitação, nos termos do art. 24, inciso VIII, da Lei Federal nº 8.666/93.

Para as associações Rede Cidadã Multicultural e Dynamite junto ao Instituto Omindaré o repasse se destina ao gerenciamento do Centro Cidadania LGBT, a unidade que é mantida com recursos públicos, “oferta de atendimento especializado às pessoas LGBT vítimas de discriminação ou violência em decorrência de sua identidade de gênero, orientação sexual e/ou em situação de vulnerabilidade social”.

No detalhamento do Portal Transparência da prefeitura de São Paulo é possível ver quanto cada organização recebeu:

ORGANIZAÇÃO VALOR RECEBIDO
ASSOCIAÇÃO REDE CIDADÃ MULTICULTURAL 1.803.422,00
ASSOCIAÇÃO CULTURAL DYNAMITE 1.619.896,58
INSTITUTO OMINDARÉ 1.551.410,40
SÃO PAULO TURISMO S/A 1.421.115,93
TOTAL 6.395.844,91

O detalhamento das operações pode ser consultado nos documento em anexo retirados do Portal Transparência da Prefeitura de São Paulo.

Houve outros seis repasses de menor valor que totalizam R$ 192.392,47, deste montante, R$ 182.942,94 também foram destinados a XXI Parada LGBT de São Paulo e o restante, R$ 9.449,53 para o Centro de Cidadania LGBT.

Organização Valor recebido
Classe Equipamentos e Entretenimentos Ltda 113.999,94
VMO Eventos Ltda 40.695,00
ML Gestão e Serviços Ltda-EPP 28.248,00
NEC LATIN AMERICA S/A 4.965,37
NEC LATIN AMERICA S/A 4.484,16

Uma observação sobre ML Gestão e Serviços Ltda-EPP, é a mesma que aluga equipamentos de sinalização de transito, tanto para a Marcha para Jesus quanto para a Parada Gay em São Paulo.

A promoção de agendas globalistas já é mais do que evidente nas políticas municipais do Prefeito Dória. Por trás do slogan “prefeito gestor” se esconde um protótipo de Fernando Henrique Cardoso do século XXI.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS

CONTEÚDO PATROCINADO