Brasil adere a acordo internacional de registro de marcas da ONU

0
34
O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, durante entrevista coletiva, no Palácio Itamaraty, fala sobre a situação política da Venezuela.

Brasil aderiu a acordo internacional de registro de marcas da ONU. O documento foi assinado pelo presidente Jair Bolsonaro.

Brasil aderiu ao sistema de marcas internacionais administrado pela Organização Mundial da Propriedade Intelectual (OMPI), que ajuda proprietários a protegerem e promoverem suas marcas em 121 países em todo o mundo.

O ministro das Relações Exteriores do Brasil, Ernesto Araújo, ressaltou a importância da adesão para redução nos custos das transações comerciais no país e a simplificação dos procedimentos de registro de marcas do mundo inteiro.

Segundo o chanceler Araújo, “através desta adesão, o Brasil demonstra o seu empenho em prol da modernização de sua economia e do incentivo à prosperidade econômica e à inovação, num contexto de economia de mercado”.

A Organização Mundial da Propriedade Intelectual, Ompi, é uma das 16 agências especializadas das Nações Unidas, criada em 1967, com sede em Genebra.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS