Brasileiro que fazia intercâmbio na China é encontrado morto

0
66

Leonardo Cláudio da Rosa fazia um intercâmbio no país asiático; suspeita é de que aluno tenha sido assassinado.

Um estudante do Brasil foi encontrado morto nesse final de semana na cidade de Chongqing, no sudoeste da China.

Leonardo Cláudio da Rosa, 23 anos, cursava letras na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), em Porto Alegre.

Segundo a instituição federal de ensino, o rapaz participava de um intercâmbio para estudar mandarim desde o início do segundo semestre de 2018.

Em sua página no Facebook, a direção do Instituto de Letras da UFRGS afirmou que “as informações iniciais, provenientes de colegas de intercâmbio de Leonardo na China, indicam que foi vítima de crime, embora a direção não possa confirmar”.

Na China, o jovem estudava na Universidade de Comunicações da China (CUC), em Pequim.

A embaixada do Brasil na capital chinesa afirmou que “está em contato com a família do estudante do Brasil e com as autoridades responsáveis pelo caso na China”, informa o site UOL.

O Ministério das Relações Exteriores informou, em nota, que desde que foi acionada a embaixada brasileira em Pequim está em constante contato com as autoridades policiais locais para obter informações adicionais sobre a ocorrência.

“O Itamaraty também está em contato com os familiares do Sr. da Rosa, com vistas a orientá-los quanto aos trâmites burocráticos para o traslado do corpo”, afirmou o Itamaraty, segundo o portal Terra.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS

CONTEÚDO PATROCINADO