Empresa congela cabeças para tentar reviver pessoas futuramente

0
51

Já tem muita empresa mundo afora oferecendo coisas mirabolantes para esticar o tempo de vida dos seres humanos.

Ter uma vida longa — com saúde e sanidade — é um dos grandes sonhos da maior parte da humanidade. Com isso em mente, ciência e tecnologia caminham com a proposta de oferecer soluções para estender sua permanência na Terra.

No Arizona, nos Estados Unidos, a empresa Alcor Life Extension trabalha com criopreservação de humanos desde os anos 80.

Mas a novidade do momento é congelar apenas sua cabeça; isso mesmo, ela é retirada após a morte e mantida no nitrogênio líquido.

A esperança é de que no futuro ela possa ser reimplantada e trazer você de volta à vida através de novas tecnologias que sequer foram imaginadas ainda.

Para realizar este procedimento, no entanto, é preciso ter coragem e (muito) dinheiro.

A empresa cobra US$ 200 mil (cerca de R$ 758 mil) para congelar um corpo inteiro e US$ 80 mil (R$ 302 mil) apenas para a cabeça.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS