Jair Bolsonaro está disposto a conversar com o Adélio Bispo

0
436

“A defesa de Adélio fez a opção de passá-lo por maluco, mas ele tem a chance de falar agora”, afirmou Jair Bolsonaro.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, comparou o esquerdista Adélio Bispo, que o esfaqueou em setembro do ano passado, ao prefeito de Santo André, Celso Daniel, assassinado por “queima de arquivo”.

De saída do Palácio da Alvorada para o evento de inauguração de trecho da Ferrovia Norte-Sul, nesta quarta-feira (31), Bolsonaro declarou:

“A defesa de Adélio fez a opção de passá-lo por maluco, mas ele tem a chance de falar agora.”

O chefe do Executivo ainda afirmou que está disposto a conversar com ele “ou com algum familiar”.

Em mensagem publicada na rede social Twitter, Bolsonaro compartilhou o vídeo da breve declaração sobre o assunto.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS

CONTEÚDO PATROCINADO