Defesa pede liberdade de Lula diretamente a Gilmar Mendes

0
312

Os advogados do presidiário Lula fizeram um pedido de liberdade diretamente ao ministro Gilmar Mendes.

A defesa do condenado Lula da Silva (PT) entrou com um pedido de liberdade, nesta quarta-feira (7), diretamente ao ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes.

Os advogados pediram para Gilmar conceder a liberdade ao ex-presidente até o julgamento de um habeas corpus que defende a parcialidade de Sergio Moro como juiz ou determine a prisão em sala de estado maior.

O habeas corpus foi dirigido especificamente a Gilmar Mendes porque o ministro havia pedido vista de um pedido de liberdade anterior. Ele ainda terá que levar o tema para julgamento na Segunda Turma do STF, informa o site G1.

Na nova petição, a defesa questiona a transferência de Lula para o presídio de Tremembé, no interior de São Paulo, pela ausência de uma sala de Estado Maior onde possa ficar preso, por ser ex-presidente.

De acordo com a defesa de Lula, a transferência para Tremembé representa “elevar sobremaneira o constrangimento ilegal” imposto ao ex-presidente.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS