Alerj aprova homenagem a sniper que neutralizou sequestrador

0
91

Alerj disse que o primeiro sargento do Bope foi quem efetuou o disparo “que pôs fim ao sequestro e salvou a vida dos 37 reféns”.

O sniper que neutralizou Willian Augusto da Silva, sequestrador do ônibus da Ponte-Rio Niterói, vai receber a Medalha Tiradentes.

A premiação foi aprovada pela Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) nesta terça-feira (10).

O projeto teve autoria dos 12 deputados da bancada do PSL, partido do presidente da República, Jair Bolsonaro, e é a maior honraria concedida pela Casa.

O deputado Filippe Poubel (PSL) afirmou que a identidade do sargento será preservada, já que a homenagem seria entregue para o comandante do BOPE.

“Ontem mesmo os mesmo policias foram homenageados na Câmara Municipal de Niterói. Por protocolo eles não aparecem para receber, quem aparece é o comandante, para não expor o policial”, afirmou o parlamentar, segundo O Globo.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS

CONTEÚDO PATROCINADO