Donald Trump diz que negociação com Talibã está morta

0
44

Grupo terrorista do Afeganistão prometeu matar mais soldados dos EUA após o anúncio do chefe da Casa Branca.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, decretou a morte das negociações com líderes do grupo terrorista Talibã, no Afeganistão.

A ação de Trump aconteceu ao mesmo tempo que o general responsável pelas operações militares norte-americanas admitiu um reforço das ofensivas no terreno, informa o site Público.

A retirada das tropas dos EUA do Afeganistão tem sido um dos principais objetivos da política externa da Casa Branca.

Segundo Trump, apesar do fim das negociações com o Talibã, esta retirada ainda é uma possibilidade.

“Gostaríamos de sair, mas vamos sair na altura certa”, disse o chefe da Casa Branca.

O fim das conversações provocou receios de um aumento dos ataques contra militares norte-americanos em missão no país do Oriente Médio.

No último domingo (8), o Talibã prometeu matar mais soldados dos EUA por causa do fim das negociações.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS

CONTEÚDO PATROCINADO