Temer diz que não apoiou ‘golpe’ contra Dilma

0
15

“Jamais apoiei o golpe”, diz Temer sobre impeachment da ex-presidente Dilma.

O ex-presidente Michel Temer (MBD) se referiu ao processo de impeachment que afastou Dilma Rousseff da Presidência como um “golpe”.

Em entrevista ao programa Roda Viva, da TV Cultura, nesta segunda-feira (16), Temer cita um telefonema de Lula da Silva (PT) na época para alegar que “não era adepto” do processo.

O emedebista diz que “tentou” impedir o avanço do impeachment e não o fez por haver grande “movimentação popular”:

“Eu jamais apoiei ou fiz empenho pelo ‘golpe’. Aliás, muito recentemente, o jornal Folha de S. Paulo detectou um telefonema que o ex-presidente Lula me deu, no qual ele pleiteava trazer o PMDB para ‘impedir o impedimento’. E eu tentei, mas a esta altura eu confesso que a movimentação popular era tão grande e tão intensa que os partidos já estavam mais ou menos vocacionados, digamos assim, para a ideia do impedimento.”

Segundo a revista Veja, Temer acrescentou:

“Este telefonema do ex-presidente Lula revela, exata e precisamente, que eu não era, digamos, adepto do ‘golpe’.”

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS