‘Instituição marginal odiada pelo Brasil’, diz Carvalhosa sobre STF

0
15

Modesto Carvalhosa disse que uma solução para que o povo volte a confiar no STF é mudar a forma como os ministros são indicados à Corte

O jurista Modesto Carvalhosa afirmou que o Supremo Tribunal Federal (STF) é uma “instituição marginal odiada pelo Brasil”.

Em entrevista à rádio Jovem Pan, neste domingo (17), Carvalhosa declarou:

“[O STF] quebra todas as regras do Estado Democrático de Direito semanalmente.”

O professor de Direito comentou as manifestações a favor do impeachment do ministro Gilmar Mendes, que aconteceram em centenas de cidades brasileiras neste domingo:

 “O povo votou contra a corrupção e contra o governo corrupto e pela continuidade do combate à corrupção. O STF tem que seguir essa orientação do povo brasileiro.”

Carvalhosa acrescentou:

“O STF tem o projeto de proteger a corrupção e acabar com a Lava Jato. O Senado e a Câmara, em sua maioria, ainda consideram o Brasil um fazendão. O Davi Alcolumbre [presidente do Senado] é um dono de fazenda, o Senado é a fazenda dele. Isso vai minando do Congresso a confiança e a legitimidade.”

O jurista completou:

“A democracia só existe se há legitimidade dos poderes democráticos. Se o povo não acha legítimo o Congresso e o STF, a democracia está perdendo a sua própria identidade.”

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS