Confrontos em protestos no Líbano deixam 377 feridos

0
18

A violência começou em frente a uma das principais portas do parlamento, no centro de Beirute.

Um total de 337 pessoas ficaram feridas em confrontos entre manifestantes e policiais em Beirute, capital do Líbano, no último sábado (18).

O nível de violência é inédito desde o início da série de protestos contra o governo do Líbano, país mergulhado em uma crise socioeconômica e política.

Os manifestantes lançaram novos chamados para uma mobilização neste domingo (19) perto do parlamento, próximo à Praça dos Mártires, epicentro dos protestos, que começaram em 17 de outubro, informa a agência AFP.

Os feridos, entre manifestantes e policiais, foram atendidos no local ou levados para hospitais, segundo dados da Cruz Vermelha e da Defesa Civil libanesas.

As manifestações ganharam força nas últimas semanas, devido à piora da situação socioeconômica e pela incapacidade das autoridades de formar um governo mais de dois meses depois da demissão do premier Rafic Hariri.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS