Homem preso após gravar vídeo ameaçando Trump de morte

0
144

“Ele matou meu líder, agora eu tenho que matá-lo”, disse cidadão dos EUA em vídeo onde ameaçou Trump por morte de Soleimani.

Um morador da Flórida publicou um vídeo ameaçando matar Donald Trump, presidente dos Estados Unidos, por ter neutralizado o general Qassem Soleimani, principal comandante militar do Irã.

Vestido com uma toalha de banho como turbante e uma cortina de banheiro cobrindo seu corpo, Chauncy Devonte Lump, 26 anos, ameaçou assassinar o chefe da Casa Branca durante uma live na rede social Facebook.

“Ele matou meu líder, agora eu tenho que matá-lo”, disse Lump no vídeo, de acordo com agente do Serviço Secreto que investigou o caso.

“Se eu não encontrar Donald, vou ter que voar por todo o Condado de Broward. Eles não brincam comigo, eu tenho um AK47”, acrescentou o indivíduo.

Lump admitiu à polícia que havia feito o vídeo, mas disse que era uma piada. “Eu não deveria ter feito isso”, afirmou aos investigadores após sua prisão, segundo a agência AFP.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS

CONTEÚDO PATROCINADO