Homem quer ser reconhecido como um cachorro dálmata

0
615

Homem foi a um programa de TV exigir que sua condição de “trans-espécie” seja reconhecida. Saiba o que a ex-mulher dele pensa a respeito.

Este homem é um técnico de iluminação de 32 anos, mas a partir de agora ele quer ser tratado como um dálmata, Tom Perters foi ao programa matinal “This Morning”, no Reino Unido, reivindicar sua identidade “trans-espécie”, Como cachorro, ele gosta de ser chamado de Spot. Além disso, ele tem todas as atitudes de um cachorro. Late, anda em quatro patas e brinca com crianças.

Ele foi ao programa junto com sua ex-esposa, Rachel. Apesar de ter se separado, ela apoia a ideia de que Tom possa se tornar Spot. Sua ex-esposa relatou que essa mudança foi o que os levou a se separar. Ela também conseguiu entender e agora eles estão mais próximos do que nunca.

“Viver a vida de um filhote de cachorro permite-lhe desfrutar de coisas simples da vida “, explicou Tom aos apresentadores incrédulos.

Ele então acrescentou: “De mastigar brinquedos a ser elogiado como um ‘bom menino’, é uma oportunidade para escapar da sua vida normal agitada e se divertir em um ambiente descontraído”.

Apesar de comer comida de cachorro e se deliciar com os petiscos, ele confessou que “volta a ser humano” quando precisa ir ao banheiro.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS

CONTEÚDO PATROCINADO