Ratos musculosos voltam à Terra após passeio no espaço

0
48

Roedores enviados ao espaço ajudarão estudos que procuram melhorar a saúde dos astronautas.

Uma cápsula Dragon, da SpaceX, caiu no Oceano Pacífico, na última terça-feira (7), trazendo 1,7 tonelada de carga da Estação Espacial Internacional (ISS).

A carga incluía 40 ratos, 8 dos quais os cientistas modificaram geneticamente para serem extremamente musculosos.

Os ratos chegaram à ISS em 8 de dezembro como parte do Rodent Research-19, um experimento desenvolvido para melhorar a compreensão dos cientistas de como a microgravidade afeta músculos e ossos dos astronautas.

Agora que os poderosos ratos estão de volta à Terra, eles podem fornecer informações para ajudar os astronautas humanos a se manterem saudáveis no espaço.

Em uma conferência de imprensa, o pesquisador Se-Jin Lee declarou:

“O conhecimento que adquirimos sobre os efeitos da microgravidade nos músculos e ossos nos ajudará a melhorar a saúde dos astronautas — tanto no espaço quanto na Terra.”

Os pesquisadores podem estudar os roedores, procurando maneiras de manipular a miostatina para combater a perda de massa muscular e óssea humana, informa o site Futurism.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS

CONTEÚDO PATROCINADO