Torcedor cristão deixa de ser corintiano após piada sobre fé

0
57

Campanha de marketing do Corinthians quis criação do “corinthianismo”

Um advogado de São Paulo, David Teixeira de Azevedo, se sentiu ofendido com uma campanha de marketing de seu clube do coração, o Corinthians, que fazia piada com o cristianismo.

David é cristão e afirmou que, por causa da campanha, decidiu abandonar o clube e se tornar palmeirense. O Palmeiras e o Corinthians são os dois principais rivais do futebol paulista atualmente.

A campanha do Corinthians afirmava que o torcedor faria parte de uma “religião” chamada corinthianismo e que tem o clube como centro da fé.

As imagens da campanha fazem clara alusão ao cristianismo, com um corintiano sendo pregado no travessão do gol com os braços abertos, um torcedor levando uma cruz nas costas e o ex-jogador Sócrates como santo.

A campanha zomba da minha fé. Um clube que lança uma propaganda desse modo, se apropriando desses valores, dessas crenças, faz uma campanha de um conteúdo fundamentalista misturando religião com futebol. São dois temas que por si só são nitroglicerina. Você juntar os dois é para explodir – declarou o advogado.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS

CONTEÚDO PATROCINADO