Trump tem lista de 52 alvos para responder a eventual ataque do Irã

0
88

Presidente Donald Trump disse que não quer mais ameaças do Irã contra americanos

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou que possui uma lista de 52 alvos do Irã para responder a uma eventual vingança do país ao ataque que matou o general Qasem Soleimani. Ele deu declarações em uma rede social.

– Que isso sirva de alerta que, se o Irã atacar qualquer cidadão ou ativo americano, temos identificados 52 alvos iranianos (que representam os 52 americanos feitos reféns pelos americanos há muitos anos), alguns deles de muito alto nível e importantes para o Irã e para a cultura iraniana – escreveu ele.

Na publicação, o governante disse ainda que possui meios eficazes para atingir seus inimigos. Ele ressaltou que não quer ouvir mais ameaças contra americanos.

– Esses alvos, e o próprio Irã, serão atingidos muito rápido e com muita força. Os Estados Unidos não querem mais ameaças – declarou.

Publicação de Trump Foto: Reprodução

O número citado por Trump corresponde aos 52 funcionários da embaixada dos Estados Unidos, em Teerã, que foram feitos reféns durante a invasão de 1979, ano em que o Irã viveu uma revolução para se tornar uma república islâmica e que também marcou o rompimento das relações diplomáticas entre os dois países.

Trump disse que o Irã “está falando com muita ousadia” sobre atacar alvos americanos como resposta à morte de Soleimani, comandante da Força Quds, a divisão de elite da Guarda Revolucionária do país. O general era o principal arquiteto da política iraniana no Oriente Médio.

O Irã prometeu se vingar da morte de Soleimani. Em resposta, os EUA começaram a enviar, no sábado, mais 3 mil soldados para a região.

*Com informações da Agência EFE

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS

CONTEÚDO PATROCINADO