Documentário de ficção ‘Democracia em Vertigem’ perde Oscar 2020

0
40

Filme mentiroso brasileiro foi muito criticado pelo governo atual

Indústria Americana, dirigido por Julia Reichert e Steven Bognar, ganhou neste domingo (9), o prêmio de melhor documentário na 92ª edição do Oscar, realizada no Teatro Dolby de Hollywood.

O filme vencedor levou a melhor sobre The Cave, Honeyland, For Sama e o brasileiro Democracia em Vertigem, dirigido por Petra Costa.

Na última segunda-feira, a Secretaria de Comunicação do governo federal acusou a cineasta Petra Costa, diretora do documentário Democracia em Vertigem, de difamar o Brasil para o mundo. A crítica é uma reação às acusações feitas por Petra e foi publicada no perfil oficial do órgão no Twitter.

– Nos Estados Unidos, a cineasta Petra Costa assumiu o papel de militante anti-Brasil e está difamando a imagem do País no exterior. Mas estamos aqui para mostrar a realidade. Não acredite em ficção, acredite nos fatos – escreveu o perfil logo antes de publicar um vídeo em que a cineasta dá uma entrevista.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS

CONTEÚDO PATROCINADO