‘ONGs usavam índios como massa de manobra’, diz chefe da Funai

0
359

“A Funai tinha virado um balcão de negócios”, disse o presidente do órgão.

Marcelo Augusto Xavier da Silva, presidente da Fundação Nacional do Índio (Funai), afirmou, nesta segunda-feira (10), que o governo do presidente da República, Jair Bolsonaro, está “resgatando a autonomia” dos índios.

Xavier, que é delegado da Polícia Federal (PF), disse que sua gestão fechou as portas para “ONGs que usavam índios como massa de manobra para conseguir dinheiro no exterior”.

Em conversa com O Antagonista, o chefe da Funai declarou:

“O dinheiro saía daqui e ninguém sabia para onde ia de verdade. A Funai tinha virado um balcão de negócios.”

Xavier afirmou que, além de “acompanhar melhor” a aplicação dos recursos, o atual governo tem se atentado mais ao desenvolvimento de políticas públicas nas regiões indígenas.

O presidente do órgão completou:

“A situação social dos indígenas hoje é uma prova do fracasso da política indigenista de governos anteriores.”

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS

CONTEÚDO PATROCINADO