Corinthians quer ‘perdão’ de R$ 66 milhões por acordo com Caixa para voltar a pagar Arena

0
177

Corinthians está disposto a voltar a pagar o financiamento da Arena. Mas, para retomar o acordo com a Caixa Econômica Federal, o clube quer se livrar de duas multas que, juntas, chegam a R$ 66 milhões.

A informação é o comentarista da ESPN Brasil Jorge Nicola, em seu blog no portal “Yahoo!”.

O valor de R$ 66 milhões é referente a multas por inadimplência e processo judicial. Por causa desta soma, a Caixa cobra do Corinthians R$ 536 milhões pelo financiamento, mas o clube considera que a dívida é de R$ 470 milhões.

“Se a gente está querendo fazer o acordo para pagar tudo o que deve, entendemos que não é justa a cobrança das multas”, explica o diretor financeiro do clube, Matías Ávila, em entrevista ao blog.

O Corinthians não tem cumprido do acordo em dia, desde que entrou em discordância com a nova diretoria da Caixa sobre a forma de pagamento.

A atual prestação é de R$ 5,7 milhões mensais, valor que o Corinthians disse não conseguir cumprir, por conta da falta de jogos no fim e no começo dos anos. Antes, o clube pagava prestações de R$ 6 milhões por oito meses e R$ 2,5 milhões entre novembro e fevereiro.

Corinthians e Caixa já acertaram o modelo antigo de pagamento, mas a dívida de R$ 66 milhões é o entrave atual.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS

CONTEÚDO PATROCINADO