Globo pode ter influenciado notificação a Gusttavo Lima

Sertanejo Gusttavo Lima foi notificado pelo Conar, Bruno e Marrone também tiveram consumo de bebida, mas a dupla não foi notificada

0
278

Nesta sexta-feira (17), o colunista Leo Dias questionou a notificação do Conselho Nacional de Auto Regulamentação para publicidade (Conar) sobre a live do sertanejo Gusttavo Lima. O órgão abriu uma representação ética contra o cantor alegando excesso de consumo de bebida alcoólica.

Dias diz que o Grupo Globo tem “fortíssima influência” sobre as decisões do Conar e sugere que esse pode ter sido o motivo para o processo contra Gusttavo Lima.

O jornalista ainda relembra a transmissão de Bruno e Marrone, que também teve bebida. Na live, Bruno chegou a ficar bêbado. Entretanto, a dupla não foi notificada.

Leo Dias continuou insinuando a influência do grupo, citando outro exemplo.

– Em 2018, depois de 10 anos no ar, a campanha dos refrigerante Dolly foi proibida de ir ao ar simplesmente porque crianças cantavam a marca do refrigerante na propaganda. Repito: a mesma campanha ia ao ar há exatos 10 anos – afirmou.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS

CONTEÚDO PATROCINADO