Após briga, delegado é achado baleado e namorada morta

0
223

Paulo Bilynskyj diz que namorada atirou contra ele e depois se matou

Um delegado da Polícia Civil e sua namorada foram encontrados baleados na casa do policial, nesta quarta-feira (20), em São Bernardo do Campo, em São Paulo. Paulo Bilynskyj estava ferido, já a mulher, a modelo Priscila Delgado de Barros, de 27 anos, estava morta.

Investigadores acreditam que trata-se de feminicídio. No entanto, o delegado acusa a própria namorada de ter efetuado os disparos contra ele. Após isso, ela teria tirado a própria vida.

Casal compartilhava interesse por armas Foto: Reprodução

Segundo Bilynskyj, Priscila teria ficado atônita após ler mensagens em seu telefone e que por este motivo ela fez os disparos contra ele e depois contra si mesma.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS