Universidade do Texas está sob investigação por ligação com laboratório chinês

Um crescente corpo de evidências sugere que a pandemia de coronavírus começou no Instituto de Virologia Wuhan.

0
140

O Departamento de Educação dos Estados Unidos está investigando as relações da Universidade do Texas com um laboratório de doenças infecciosas em Wuhan, na China.

Instituto de Virologia de Wuhan é apontado como o ponto de partida da pandemia de coronavírus, que já infectou milhões de pessoas e matou centenas de milhares mundo afora.

O vírus também provocou demissões em larga escala, o que afetou intensamente a economia mundial, gerando rumores de uma nova recessão.

Investigadores federais solicitaram que a Universidade do Texas entregasse todos os documentos relacionados a contratos com o laboratório chinês e o pesquisador Shi Zhengli, especialista em morcegos, segundo o The Wall Street Journal.

A investigação faz parte de um esforço mais amplo para examinar os possíveis vínculos da instituição de ensino com Pequim e cerca de duas dúzias de empresas estatais chinesas, bem como com Eric Yuan, CEO da Zoom Communications.

A Universidade do Texas está trabalhando em uma resposta à solicitação do Departamento de Educação, destaca o portal True Pundit.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS

CONTEÚDO PATROCINADO