Witzel muda radicalmente de posição sobre armamento civil

“Eu nunca disse que era favorável a armar a população”, disse Witzel em sabatina nesta segunda-feira (4).

0
190

Wilson Witzel, governador do Rio de Janeiro, executou uma mudança completa em seu posicionamento sobre o armamento civil.

Em janeiro de 2019, no primeiro mês após tomar posse como chefe do Executivo do Rio, Witzel afirmou que “quanto mais cidadãos estiverem com armas de fogo, maior será a segurança para a população”.

De acordo com o jornal O Globo, durante discurso no Quartel General da Polícia Militar do Rio, Witzel declarou:

“Hoje o assalto no trânsito é feito com a tranquilidade de que só eles [os bandidos] estão armados. Quanto mais cidadãos de bem estiverem com armas de fogo para proteger a sociedade, certamente melhor será, e melhores resultados nós teremos.”

No entanto, mais de 15 meses depois, Witzel deu uma reviravolta em seu posicionamento.

Durante sabatina no programa “Roda Viva”, da TV Cultura, nesta segunda-feira (4), o governador disse que nunca foi favorável a “armar a população”:

“Eu nunca disse que era favorável a armar a população. Eu sou a favor de armar a polícia. Eu tenho muitas restrições à venda de armamento para a população. Sou favorável a uma polícia eficiente.”

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS

CONTEÚDO PATROCINADO