Trump lamenta morte de policial negro em ação de saqueadores da extrema-esquerda

0
103

“Honramos nossos policiais, talvez mais do que nunca”, disse o presidente norte-americano.

Donald Trump, presidente dos Estados Unidos, lamentou, nesta terça-feira (2), a morte de David Dorn, capitão aposentado da polícia da cidade de St. Louis, no Missouri.

Dorn, de 77 anos, foi encontrado¹ morto na calçada em frente a uma loja de penhores, que foi alvo de saqueadores durante distúrbios violentos da extrema-esquerda na madrugada de ontem. Nenhum meliante foi preso até o momento.

Em mensagem² no Twitter, Trump declarou:

“Nosso maior respeito pela família de David Dorn, um grande capitão de polícia de St. Louis, que foi ferozmente baleado e morto por saqueadores desprezíveis na noite passada.”

O chefe da Casa Branca acrescentou:

“Honramos nossos policiais, talvez mais do que nunca. Obrigado!”

Confira o tuíte original de Donald Trump:

Referências: [1][2]

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS

CONTEÚDO PATROCINADO