PF investiga pornografia infantil em computadores do STJ

0
75

A pena prevista para esse crime, em caso de condenação, varia de um a quatro anos de prisão.

A Polícia Federal (PF) investiga um material com cenas de pornografia infantil encontrado em computadores do Superior Tribunal de Justiça (STJ).

O caso foi reportado pela Corte para que fossem identificados os responsáveis pelo armazenamento dos arquivos eletrônicos.

As apurações dos fatos estão na reta final e devem ser concluídas até setembro, destaca a revista Veja.

Após a conclusão da investigação, o inquérito será remetido ao Ministério Público Federal no Distrito Federal (MPF-DF) para se manifestar sobre os fatos relatados pela PF.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS

CONTEÚDO PATROCINADO