Tio estuprador diz que abusos incluíam avô e outro tio

0
141

Ele sugeriu a coleta de DNA de outros parentes

O homem de 33 anos acusado de estuprar e engravidar a própria sobrinha, de 10 anos, sugeriu à Polícia Civil do Espírito Santo que também investigue outros parentes da criança, como o avô e outro tio. Em um vídeo gravado antes de ser detido, R. H. J. propõe que a polícia colete DNA de homens que viviam com a criança.

Ainda nesta terça-feira (18), o delegado Ícaro Ruginski, responsável pelo caso, disse que, até o momento, as investigações apontam apenas para o homem preso como culpado. Ruginski disse ainda que ele assumiu “informalmente” ter cometido os abusos, mas que a polícia irá avaliar a coleta de DNA de outros membros da família.

– Todas as hipóteses serão investigadas. Mas, a princípio, a indicação é de que os abusos tenham sido cometidos todos por ele. Informalmente, aos policiais, ele afirmou que realmente possuía alguma intimidade com a menina e fez abusos contra ela – afirmou.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS

CONTEÚDO PATROCINADO