Brasileiro não será cobaia da vacina chinesa de Doria, diz Bolsonaro

0
119

“Minha decisão é a de não adquirir a referida vacina”, disse Bolsonaro.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, reforçou, nesta quarta-feira (21), que a vacina da China contra o coronavírus não será comprada pelo governo federal.

Em mensagem no Twitter, publicada minutos atrás, Bolsonaro comentou sobre a “vacina chinesa de João Doria”, governador de São Paulo.

O chefe do Executivo escreveu:

“Para o meu Governo, qualquer vacina, antes de ser disponibilizada à população, deverá ser comprovada cientificamente pelo Ministério da Saúde e certificada pela Anvisa.”

Bolsonaro acrescentou:

“O povo brasileiro não será cobaia de ninguém.”

E continuou:

“Não se justifica um bilionário aporte financeiro num medicamento que sequer ultrapassou sua fase de testagem.”

“Diante do exposto, minha decisão é a de não adquirir a referida vacina”, completou Bolsonaro. Confira os tuítes.

 

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS

CONTEÚDO PATROCINADO