Biden promete revidar ataque: ‘Vamos caçá-los e fazê-los pagar’

0
150

Terroristas detonaram bomba no aeroporto de Cabul deixando centenas de mortos e feridos

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, afirmou nesta quinta-feira (26) que a filial afegã do Estado Islâmico pagará pelo atentado que deixou ao menos 13 militares americanos e 95 afegãos mortos no Aeroporto de Cabul. Biden disse ainda que a operação de retirada de americanos e aliados afegãos do país, que está há quase duas semanas sob controle do Talibã, não será interrompida.

Biden, no entanto, não deu detalhes sobre qual será a retaliação e ressaltou que o calendário de retirada não será alterado em virtude do ataque.

– Aos que executaram esse ataque: Não perdoaremos nem esqueceremos. Caçaremos vocês e faremos vocês pagarem. […] Também ordenei aos meus comandantes que desenvolvessem planos operacionais para atacar os principais ativos, lideranças e instalações do EI. Responderemos com força e precisão no nosso tempo, no lugar que escolhermos, no momento de nossa escolha – garantiu o presidente.

Biden ainda ofereceu condolências às famílias das vítimas do ataque e lembrou que serviços de inteligência americanos já temiam uma ação do Isis-K – como é conhecido o grupo. O presidente também ressaltou que o Isis-K e o Talibã são rivais dentro do Afeganistão.

– Situação no terreno evoluindo e sigo sendo informado. As pessoas que perderam a vida eram heróis que se envolveram em uma missão perigosa e altruísta para salvar a vida de outras pessoas – disse.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS

CONTEÚDO PATROCINADO

Deixe uma resposta