China pede ‘investigação’ e ‘punição’ a homem que lançou explosivo contra Consulado no Rio

0
26

O Consulado Geral da China se manifestou neste sábado (18), por meio de nota oficial, sobre o ocorrido na noite da última quinta-feira (16), quando um homem, usando um casaco e capuz, atirou um artefato explosivo sobre o muro da missão diplomática, em Botafogo, zona sul do Rio de Janeiro.

A nota diz que foi “um grave ato de violência” e pede “investigação minuciosa sobre o ataque, punição do culpado e que medidas sejam tomadas para evitar que outros incidentes como este voltem a ocorrer”.

O país comunista ainda afirma que “não terá sucesso qualquer conspiração de pouquíssimas pessoas em destruir a amizade China-Brasil”.

Imagens de câmeras de segurança da rua e da própria missão diplomática, recolhidas pela Polícia Civil, mostram a hora em que um homem, vestindo um casaco preto e máscara, joga um explosivo por cima do muro, na noite de quinta-feira (16).

A hora exata do atentado é 21h48, quando o artefato explode e danifica o portão do consulado. Ninguém ficou ferido na ação.

No local, a polícia técnica recolheu fragmentos do explosivo. O caso está sendo investigado pela 10ª delegacia policial, no bairro de Botafogo. A Polícia Federal (PF) também foi acionada e apura o crime.

O post China pede ‘investigação’ e ‘punição’ a homem que lançou explosivo contra Consulado no Rio apareceu primeiro em Conexão Política.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS

CONTEÚDO PATROCINADO

Deixe uma resposta