Sede da Aprosoja em Brasília sofreu um ataque do MST

0
7

A sede da Associação Brasileira de Produtores de Soja em Brasília, situada no Lago Sul, foi invadida no início da manhã de hoje (14/10).

Em um vídeo que circula nas redes sociais, um funcionário mostra as cenas da depredação e diz que encontrou os vândalos fugindo, com cortadores de metal.

Além dos portões e do muro, o grupo pichou paredes da associação e jogou tinta vermelha nas janelas. Segundo a Polícia Militar, cerca de 60 pessoas participaram do ato. O grupo criticava a fome e a insegurança alimentar, que se agravaram com a pandemia de Covid-19.

O ato de vandalismo foi organizado pela Via Campesina, entidade ligada ao Movimento Sem Terra (MST).

O MST fez uma declaração nas redes sociais, confira:

Em um Brasil que sofre com 20 milhões de trabalhadoras e trabalhadores famintos, Bolsonaro vetou o Projeto de Lei 823/2021 (PL Assis Carvalho), uma iniciativa organizada pelos movimentos populares do campo para garantir a Soberania Alimentar no país. Precisamos de subsídios e investimentos na agricultura familiar e camponesa. O governo Bolsonaro é culpado pela miséria e pela fome dos brasileiros e brasileiras.

MST

O ex-ministro Ricardo Salles divulgou um vídeo, que mostra vândalos depredando o local, confira.

LEIA TAMBÉM:

Datena anuncia saída da Band para disputar a Presidência

Ciro Gomes e Dilma Rousseff trocam farpas nas redes sociais

 

O post Sede da Aprosoja em Brasília sofreu um ataque do MST apareceu primeiro em Vista Pátria.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS

CONTEÚDO PATROCINADO

Deixe uma resposta