Talibã mata três pessoas para impedir que música seja tocada em casamento

0
38

Homens armados que se apresentam como o Taleban atacaram um casamento no leste do Afeganistão para impedir a reprodução de música e mataram pelo menos três pessoas, disse o governo. As informações são do The Guardian.

Segundo o veículo, o porta-voz do governo talibã, Zabihullah Mujahid, disse neste sábado (30) que dois dos três agressores foram presos e negou que estivessem agindo em nome do movimento islâmico.

“Na noite passada, no casamento de Haji Malang Jan no vilarejo Shamspur Mar Ghundi de Nangarhar, três pessoas que se apresentaram como o Talibã entraram no processo e [pediram] que a música parasse de tocar”, disse ele.

“Como resultado do tiroteio, pelo menos três pessoas foram mortas e várias outras ficaram feridas.

“Dois suspeitos foram presos pelo Talibã em conexão com o incidente e um que escapou ainda está sendo perseguido.

“Os perpetradores do incidente capturados, que usaram o nome do Emirado Islâmico para realizar sua rivalidade pessoal, foram entregues para enfrentar a lei islâmica.”

Qazi Mullah Adel, porta-voz do governador do Taleban na província de Nangarhar, confirmou o incidente, mas não forneceu detalhes. Um parente das vítimas disse que os combatentes do Talebã abriram fogo enquanto uma música estava tocando.

A música foi proibida na última vez em que o Talibã governou o Afeganistão e, embora o novo governo ainda não tenha emitido tal decreto, sua liderança ainda desaprova seu uso no entretenimento e o vê como uma violação da lei islâmica.

“Os jovens tocavam música em uma sala separada e três combatentes do Talebã vieram e abriram fogo contra eles. Os ferimentos dos dois feridos são graves ”, disse a testemunha aos jornalistas.

“Nas fileiras do Emirado Islâmico ninguém tem o direito de afastar ninguém da música ou qualquer coisa, apenas para tentar persuadi-los. Esse é o caminho principal ”, disse Mujahid em entrevista coletiva anteriormente.

“Se alguém matar alguém sozinho, mesmo que seja nosso pessoal, isso é um crime e vamos apresentá-lo aos tribunais e ele vai enfrentar a lei.”

O governo anterior do Taleban, entre 1996 e 2001, impôs uma interpretação muito rígida da lei islâmica e severas punições públicas.

O post Talibã mata três pessoas para impedir que música seja tocada em casamento apareceu primeiro em Gazeta Brasil – O que está acontecendo no Brasil e no Mundo agora..

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS

CONTEÚDO PATROCINADO

Deixe uma resposta