Vítimas do hack da Mt. Gox podem receber mais de US$ 9 bilhões em bitcoin

0
2

Credores da Mt. Gox podem receber mais de US$ 9 bilhões em bitcoin, de acordo com um documento sobre o plano de recuperação enviado ao Tribunal do Distrito de Tóquio para a agora extinta corretora de criptomoedas.

Aqui, o termo “credores” se refere às diversas vítimas que perderam dinheiro quando a corretora cripto foi hackeada em 2014.

“A Administradora [responsável pela] Recuperação gostaria de expressar sua sincera gratidão a todas as partes envolvidas por sua compreensão e seu apoio”, afirmou a administradora no documento.

“Dependendo da situação, espera-se que a ordem de confirmação se torne definitiva e obrigatória em aproximadamente um mês, a partir de hoje”, acrescentou.

Quando o documento for aprovado, credores precisarão registrar suas contas bancárias no sistema de arquivamento on-line da Mt. Gox para receber seu pagamento.

“Credores da recuperação que não conseguirem entrar no sistema podem ter dificuldade ao receber pagamentos”, explicou a administradora.

“Será uma data que todos os participantes de mercado precisam ficar de olho”, afirmou Avi Felman, gestor de carteiras do BlockTower Capital.

Felman acrescentou que provavelmente haverá “uma volatilidade significativa em relação a esse evento e, se o [mercado de] bitcoin continuar superaquecido, pode atingir uma alta local conforme detentores finalmente poderão obter lucros por suas posições”.

Credores finalmente poderão receber cerca de 90% dos ativos que têm direito.

A quantia total mantida pela administradora está avaliada em mais de US$ 9 bilhões, levando em consideração à alta recorde do bitcoin desta semana.

O que aconteceu com a Mt. Gox?

Mt. Gox foi uma corretora cripto que se tornou infame na História do setor cripto.

Em fevereiro de 2014, a corretora ficou off-line após problemas de saque começarem no início do mesmo mês. Logo ficou claro que essas falhas eram um presságio de algo bem pior.

Na época, a agora extinta corretora cripto também era responsável por aproximadamente 70% das transações mundiais em bitcoin. Quando a Mt. Gox sofreu o colapso, gerou uma queda no preço do bitcoin: de US$ 800 para US$ 400 (uma quantia bem distante dos atuais preços).

Desde o colapso da corretora, tem sido um caminho árduo para credores da Mt. Gox, que lidaram com atrasos no plano de recuperação e altas taxas em uma batalha para recuperar seus fundos perdidos.

*Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento com autorização da Decrypt.co.

O post Vítimas do hack da Mt. Gox podem receber mais de US$ 9 bilhões em bitcoin apareceu primeiro em Portal do Bitcoin.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS

CONTEÚDO PATROCINADO

Deixe uma resposta