Bolsonaro sobre Macon após encontro com Lula: “Parece que é uma provocação sim. Será que o serviço de inteligência dele não sabe quem foi o Lula?”

0
19

Nesta quinta-feira (25), o presidente da República, Jair Messias Bolsonaro (sem partido), afirmou, durante entrevista concedida à rádio Sociedade da Bahia, que viu como uma “provocação” a recepção dada pelo presidente francês, Emmanuel Macron, ao petista Luiz Inácio Lula da Silva.

Indagado se achou a recepção ao petista uma provocação, Jair afirmou que sim e detonou o presidente francês.

“Parece que é uma provocação sim. Será que o serviço de inteligência dele [Macron] não sabe quem foi o Lula aqui ao longo dos oito anos dele e mais seis de Dilma, o que foi feito no Brasil?”, disse Bolsonaro.

Você pode se interessar:

1 – Bolsonaro afirma: “Por mim, não teria Carnaval, mas tem um detalhe: quem decide não sou eu”

2 – Maurício Souza compartilha vídeo da Globo e detona a emissora: “Lixo de meio de comunicação”

Posteriormente, o mandatário acrescentou, e disse que Macron sempre foi contra o seu governo.

“O que interessa para alguns países do mundo é ter alguém sentado nessa cadeira que eu estou aqui simpático à política deles.”

Por fim, Bolsonaro também ironizou os afagos recebidos por Lula na Europa.

“É a mesma coisa se chegar o Maduro aqui no Brasil, vamos supor… Ele vai ser aplaudido pelo pessoal do PSOL, do PDT, do PCdoB e do PT na Câmara dos Deputados. Não quer dizer que a Câmara apoie isso que está acontecendo na Venezuela. Então, tudo é um jogo político”, disse ele.

O post Bolsonaro sobre Macon após encontro com Lula: “Parece que é uma provocação sim. Será que o serviço de inteligência dele não sabe quem foi o Lula?” apareceu primeiro em Portal BR7.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS

CONTEÚDO PATROCINADO

Deixe uma resposta