Fux cancela retorno presencial ao STF após alta de casos de Covid-19

0
9

Nesta quarta-feira (26), o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, decidiu cancelar o retorno presencial às sessões da Corte, devido à elevação dos índices de transmissão e contaminação pela Ômicron, variante da Covid-19.

Fux autorizou a prorrogação, até o fim de fevereiro, de uma portaria que libera o trabalho remoto excepcional na corte. Essa portaria é de 8 de janeiro e valia até o fim deste mês.

Com a prorrogação, o STF irá realizar as primeiras sessões deste ano de forma virtual, como vinha sendo até novembro do ano passado.

Uma dessas sessões é a que abre os trabalhos regulares do Judiciário este ano, na próxima terça-feira (1º). Ela será realizada de maneira totalmente remota, segundo nota divulgada pela Corte.

Até o fim de fevereiro, Fux irá reavaliar a possibilidade de prorrogação dessa portaria.

Desde novembro, o STF havia retomado as sessões presenciais, após ter adotado o modelo remoto pouco depois do início da pandemia, em abril de 2020. Até então, as sessões estavam sendo realizadas por videoconferência, com a presença do presidente no tribunal e dos demais por videoconferência.

Em algumas ocasiões, ministros abriam mão da tecnologia e também votavam de seus assentos no plenário físico, mas de maneira esporádica.

Além da Ômicron, a decisão de Fux desta quarta também foi tomada devido aos altos índices de influenza no DF.

O post Fux cancela retorno presencial ao STF após alta de casos de Covid-19 apareceu primeiro em Gazeta Brasil – O que está acontecendo no Brasil e no Mundo agora..

O post Fux cancela retorno presencial ao STF após alta de casos de Covid-19 apareceu primeiro em Gazeta Brasil – O que está acontecendo no Brasil e no Mundo agora..

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here