Moro rebate Lula: “Você deveria explicar a roubalheira do Mensalão e do Petrolão durante o seu Governo”

0
5

Nesta terça-feira (10), o ex-juiz Sergio Moro (União Brasil-SP) respondeu aos ataques feitos pelo ex-presidiário Lula (PT), durante evento em Belo Horizonte (BH), Minas Gerais (MG), na segunda-feira (09).

No Twitter, Moro afirmou que “facínora é bandido” e sugeriu que Lula explicasse o “Mensalão’ e o “Petrolão”, investigações que ocorreram durante o Governo de Lula e Dilma.

No evento de ontem, Lula fez críticas a Moro e à condução das investigações da Lava Jato. O petista afirmou que opositores diziam, na época em que esteve preso, que ele “teria vergonha de andar nas ruas”.

“Hoje quem está com vergonha de andar na rua é o facínora do Moro. Quem está com vergonha de andar na rua é o Dallagnol”, disse Lula em discurso que suscitou a resposta de Moro, citando também o ex-procurador Deltan Dallagnol.

“Sei que você não gosta de policiais ou de quem cumpre a lei, mas você deveria explicar a roubalheira do ‘mensalão’ e do ‘petrolão’ durante o seu governo”, afirmou Moro na rede social.

A FALA COMPLETA DE MORO:

“Lula, facínora é bandido. Vale para quem roubou o país, como as pessoas que você nomeou para a Petrobras. Eu prendi essas pessoas. Sei que você não gosta de policiais ou de quem cumpre a lei, mas você deveria explicar a roubalheira do Mensalão e do Petrolão durante o seu Governo”.

Lula, facínora é bandido. Vale para quem roubou o país, como as pessoas que você nomeou para a Petrobras. Eu prendi essas pessoas. Sei que você não gosta de policiais ou de quem cumpre a lei, mas você deveria explicar a roubalheira do Mensalão e do Petrolão durante o seu Governo.

— Sergio Moro (@SF_Moro) May 10, 2022

O post Moro rebate Lula: “Você deveria explicar a roubalheira do Mensalão e do Petrolão durante o seu Governo” apareceu primeiro em Gazeta Brasil – O que está acontecendo no Brasil e no Mundo agora..

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here